Divorcio sim ou não ????

É pastor.......só vamos ter certeza dessa resposta, na Glória, há tantas situações num casamento que nos daria o direito legal(quase legal)de pedir o divorcio...não sei te responder hoje, já tive essa resposta ,hoje não sei do alto dos meus 36 e poucos anos de casada, dentro de tudo que passei...acho que nada é motivo,causa,oportunidade,deculpa...... pra um divorcio,não sou adepta do ruim com ele pior sem ele, não de forma alguma,mas, creio num Deus que muda situações, transforma agua em vinho, sara feridas de todo tipo,até feridas da alma, acalma tempestade,faz cego enchergar,muda a história das pessoas e da humanidade, domina sobre céus e mar......como pregar que nosso Deus faz tudo isso, que pode todas as coisas e que não pode mudar um casamento, fazer a vida de duas pessoas que são benção, que creem nesse mesmo Deus mudar sobrenaturalmente a historia de seu casamento..(mudou a minha)...como um divorciado (principalmente se é um pastor)vai aconselhar um casal em crise?????que se divorcie também? não critico quem se divorciou, a minha duvida cruel é que, qual argumento ele usará na hora das perguntas,e o seu Deus?ele não sabe o que fazer na hora da crise conjugal,esse Deus que vc serve e apregoa não consegue resover o problema do meu casamento?afinal ele não resolveu do seu??????o que responder?
-Faça o que te prego, mas não faça o que eu fiz.....
-comigo é diferente........
-não é bem assim.....
-eu não vigiei.......
- comigo foi incompatibilidade de genios.....
e mais uma tonelada de blb..bla..bla....
amado.... já ouvi todas essas respostas e mais algumas, me perdoe....não sei o que te responder, que cada um busque sua resposta em oração e depois acerte as contas com o Eterno.
Deus te abençoe.....
**********************************************************************
Essa foi minha resposta ao amado Pr Odilon.....lá no blog da UNIÃO DE BLOGUEIROS EVANGÉLICOS
não posso dizer que é uma resposta muito simpática,mas, é como me sinto quanto a essa questão,no meu ciclo de amizade hoje são tantos pastores divorciados, pastores amigos meus, sou amigo de suas esposas, as de antes e as vezes a do segundo casamento, trabalho com mulheres, sempre gostei desse ministério,e sempre ouço suas queixas, e sofro com o sofrimento delas,geralmente essas mulheres divorciadas são benção na igreja, em seus ministérios, seus maridos os pastores, lideres de alguma forma também são benção....então fica aqui minha dúvida, de certa forma minha revolta.....porque duas bençãos não pode ser benção juntas.....porque se são servos fervorosos, teem intimidade com o Eterno Deus, oram,pregam,evangelizam,fazem missão,tem a unção pra tudo....menos pra ter uma vida feliz a dois! amados que é isso senão uma armadilha do diabo,que veio pra matar roubar e destruir nosaas vida? que é isso senão modismo mundano, que diz que há oito dez mulheres pra cada homem....que é isso senão comcupsciencia da carne?????? precisamos do novo pra ser feliz!!!!
Eu sinto muito, se me acham quadrada, cafona,fora de moda...sou sim mas quero ser feliz com meu velho!ele me conheceu eu tinha 17anos......ele 21anos.....crescemos juntos, trabalhamos juntos, descobrimos coisas juntos, criamos nossos filhos juntos......hoje meu filho já é pastor, como dizer a ele , que se não der certo o casamento dele, tudo bem? o que digo a ele?....VIGIA E ORA, ore muito meu filho e vigie muito mais ainda a luta esta travada na terra....mas em Cristo somos mais que vencedores.....e ser feliz num casamento hoje é VENCER !!!!

http://sogrita.blogspot.com

5 comentários:

Eloiza Nogueira disse...

Ótima resposta. gostei.
Abraços

Eloiza disse...

Gostei muito da sua resposta.

james disse...

A vós, graça e paz da parte de Deus e de nosso Senhor Jesus Cristo!

Estamos visitando o vosso rico espaço, através da Comunidade Nacional de Blogueiros Cristãos – CNBC... um local na rede preparado por Deus, para a união em Amor Fraternal daqueles que tem em Jesus Cristo seu único objetivo de vida!

Faça-nos uma visita http://blogueiroscristaos.ning.com/, local de paz, onde o maior Amor é JESUS CRISTO!

Deus lhe abençoe e aos seus ricamente.

Fraternalmente.
James, administrador CNBC.
www.jesusmaioramor.blogspot.com

Agnaldo Gomes disse...

Prezada irmã,
Conheci seu blog através deste artigo lá na UBE.
Este post tá perfeito.
Compartilho com a opinião da irmã sobre o divórcio.
Muito equilibrada, sensata e verdadeira.
Parabéns.

Célia Pessôa disse...

Na questão do divórcio, existem extremos,aqueles que por qualquer coisa desistem do casamento, e casam-se várias vezes até acharem que acertaram!E o outro grupo, dos que se uniram numa aliança errada, ambos não perguntaram primeiro a Deus, qual era a vontade dEle,prá suas vidas! Ainda assim, a Bíblia não diz que casamento é sempre "um mar de rosas", e também, nem Jesus e nem o apóstolo Paulo, quando falam sobre o assunto, colocam jugo sobre os cristãos.Cada caso é um caso!Não dá prá radicalizar!Sabendo ,como você disse que em Deus achamos solução para todos os problemas no casamento! Quando não se crê nisso, tudo fica impossível.